ESCRITA & COMPANHIA
 

RECENTES


Poema do Rouxinol de Andresen

Margarida Garcia, 4.º C

Publicado em 07 fev 2019


Se eu pudesse ser… seria

Dinis Ribeiro, 4.º C

Publicado em 07 fev 2019


Se eu pudesse…

Leonor Cardoso, 4.º C

Publicado em 07 fev 2019


Se eu pudesse...

Inês Soares, 4.º C

Publicado em 07 fev 2019


Acróstico

Dinis Almeida, 4.º C

Publicado em 06 fev 2019


Aventura voadora

Margarida Garcia, 4ºC

Publicado em 06 fev 2019


 

VER POR ANO LETIVO


  2019/2020         2018/2019         2017/2018

 

  2016/2017         2015/2016         2014/2015

 

  2013/2014         2012/2013         2011/2012

 

  2010/2011         2009/2010      



Caos nas Ruas de Metropólis
Publicado em   20 fev 2011

Disciplina de Língua Portuguesa  -   José Luís Almeida, nº18, 7.º D





Tudo aconteceu numa noite em que tive um sonho muito estranho. Uma vidente disse-me que, por fazer muitas asneiras, teria de as pagar com um feitiço amaldiçoado, suportando-o durante três dias. Acordei imediatamente pensando que fosse real, mas não passava de um simples pesadelo. Desde aí não pensei em mais nada durante o dia.
O dia correu-me bem, mas continuava a pensar na maldita vidente e no seu malvado feitiço! Arrrrrre!... Será que era verdade? Para não pensar mais no assunto e apanhar uma depressão, fui tomar um banho relaxante para aliviar a memória. De seguida, fui para a cama.
Mal preguei olho e comecei a dormir, algo estranho, muito estranho aconteceu. Levantei-me da cama e o gorro que tinha na cabeça tapou-me a cara. As mangas da camisola taparam-me as mãos. Fiquei irreconhecível. Nessa noite, controlado por roupas e sendo sonâmbulo, parti para a cidade de Metrópolis em busca do crime.
Na manhã seguinte, nos jornais só apareciam notícias dizendo que vinte e sete lojas na cidade de Metrópolis tinham sido assaltadas numa noite. Começava a desconfiar que seria o feitiço da maldita bruxa, mas o que havia de fazer? Fui à rua dar um passeio, e apareceu-me um velhote com barba branca que me pediu para o seguir.
Cheguei a um beco de rua e ele disse-me:
-Leva esta poção All Clean para te livrares do feitiço. Agradeci pela generosa oferta e fui a correr para casa para lavar as roupas. Mal cheguei a casa, peguei num esfregão, água, sabão e na poção All Clean e lavei tudo muito bem.
À noite quando fui dormir, sonhei com a vidente desaparecendo por um raio de luz deixando muito fumo no ar.



|  Rua Cónego Barreiros   3500-093 Viseu  |  Telef: 232 421 981  |  Fax: 232 432 855  |  Email: geral@colegiodaviasacra.pt  |